0

UM ENCONTRO MÁGICO


Durante o nosso jantar recebi a visita de "L." uma das crianças encarnadas, pois é costume e a norma de procedimento destas pequenas sementes estelares se apresentarem assim que retornam ao NA, depois de cumprirem suas atividades rotineiras com seus corpos físicos ainda infantis.

A "L.", que surgiu durante a nossa refeição tem a patente de comandante estelar, por ser membro de uma das frotas intergalácticas estacionadas na órbita da Terra. Está encarnada e cumpre sua missão crística mesmo em tenra idade. Ela comanda um dos níveis de segurança do NA com sua equipe.

Outras crianças costumam comparecer ao NA em projeção de consciência, para receber instruções ou para relatar algo inusitado que ocorreu no dia-a-dia de suas vidas como encarnadas. Os assuntos são de extrema importância. Houve muitos casos de doenças ou intervenções médicas que necessitaram da nossa atuação.

As histórias são repletas de acontecimentos que normalmente afetam tanto as nossas vidas adultas quanto as das crianças, influindo profundamente no seio familiar. Recebem a nossa ajuda e amparo, por serem nossas pequenas águias que decidiram vir substituir as baixas que tivemos ao longo desta jornada além de assumir as missões que já haviam sido previamente estabelecidas para a Nova Era...

Mais tarde, a noite, fui levar uma bandeja com chás para a Corujinha quando a pequena "P". surgiu:

- Pai, cheguei!

Virei e olhei pra ela contente, pois não a via a alguns dias.

- Oi filha... que bom te ver! - E dei um beijo em seu rostinho.

- Pai você tem um tempinho para ficar comigo?

Ao ouvir isso, senti que ela estava um pouco angustiada e queria conversar um pouco. Ela tem passado por dramas que faria um adulto surtar, mas enfrentou todos esses desafios com coragem, paciência e muita compreensão. Com apenas 2 anos e 3 meses (ela gosta de frisar a idade exata), tenho acompanhado sua pequena jornada que por muito pouco quase acaba em desencarne. Ficou em coma por semanas e passou por intervenções cirúrgicas.

- Claro filha... ficarei aqui com você! - E sentei-me na beira da cama, para ouvir o que ela tinha a dizer.

Lembrou-me dos seus conflitos passados e como estava se sentindo naquele momento em função da sua recuperação, mas o que mais a angustiava era a rotina monótona para sua mente completamente desperta e lúcida, mas que ainda tinha dificuldades de se comunicar com os adultos, os pais, as tias. Mencionou alguns fatos ocorridos com frequência e como isso a deixava chateada e triste.

Conversamos e aos poucos ela foi ficando mais serena. Em sua sabedoria disse que tinha a intenção de estudar e conversar sobre assuntos científicos. E após algumas explanações, surgiu a ideia de propor um trabalho conjunto, já que seria interessante para a sua integração neste plano físico que agora ressoa com a quarta dimensão física.

Convidei-a para participar da Comunidade das Crianças da Nova Era... e ela ficou imensamente feliz e aceitou!

Antes de sair do quarto pediu-me para ficar somente mais um pouco, a Corujinha pegou o celular e começou a gravar a mensagem.

Pego de surpresa, apenas fiquei ouvindo a P. falar... e me emocionei muito!

Ela falou pelo coração.. e com o seu jeito de ser, expressou um pouco sobre o seu desejo de criança. Antes da mensagem ser publicada, a pequena "P." disse que precisava falar com a "L." que é a comandante dela. E então veio outra surpresa, a "L.", também deixou uma mensagem.,,

A mensagem da "P":


Canal: Renata I. Zimmermann
31 de Maio de 2017 às 22h22min BR (GMT -3)

Mensagem da “L”:


Canal: Renata I. Zimmermann
31 de Maio de 2017 às 22h29min BR (GMT -3)


Em Luz e Amor,
Gratidão profunda!
Shima.
Namastê.

(*) Depoimento de um guerreiro da Luz:

Para mim, pessoalmente, tem sido gratificante e porque não dizer extremamente motivador a vinda destas crianças especiais, sementes estelares e promessas do amanhã.
A presença destes pequenos diamantes iluminou a minha jornada terrena com muita esperança, quando na época estava passando por extrema pressão com as sucessivas baixas nas fileiras das águias que desistiram da missão.

Foi quando elas começaram a aparecer aqui no NA, enviadas pelo comandante Ashtar. E dia após dia, vinham e se apresentavam de forma oficial. Mais do que isso, traziam seus relatórios pessoais que as identificavam como membros da Frota Estelar.
Desde então, abracei com mais intensidade a Grande Missão, pois agora teria outro motivo bem maior para prosseguir: Ajudar a construir um mundo novo para essas sementes estelares que agora pousavam na superfície deste orbe terrestre com suas consciências despertas, lúcidas e criativas.

Não é possível ainda descrever e nem narrar tamanha alegria que elas me proporcionam com seus conhecimentos, sabedoria e orientações. São sábias, inteligentes demais para suas idades biológicas, mas com suas mentes abertas, expandidas, abrangem o Todo de uma forma simples, prática e única.

Chamo-as de filhas e filhos. E delas recebo carinhosamente o nome de "pai". As lágrimas são inevitáveis. Meu amor profundo por elas! Shima.

Postar um comentário

 
Top