0



Para relembrarmos:

SAUDAÇÕES DA LUZ, QUERIDAS ÁGUIAS!!!


Como já foi explanado em vários estudos anteriores, a nossa órbita é como um vórtice crescente e ascendente... e não um círculo como se fosse um disco imutável...

Este vídeo contém a forma correta de como é a órbita em torno do Sol e como o Astro Rei viaja em sua jornada cósmica em torno de outro Sol Central...

E assim sucessivamente avançamos dentro da Criação ao completarmos cada volta em torno do núcleo da Via Láctea, já que nada permanece estático dentro do  Universo...

Contemplem as imagens deste vídeo e reflitam profundamente sobre o termo que usamos quando chamamos o nosso orbe de Nave Mãe Terra...

A viagem pela galáxia é algo divino e celestial!

Somos apenas os "passageiros" nesta Nave onde a amada Gaia é a comandante cósmica que nos conduz na evolução humana e espiritual.

Nos cursos que serão abertos brevemente, revelaremos os "bastidores" do autoconhecimento e da espiritualidade para aqueles que realmente buscam o despertar!

Até lá... permaneçam na Paz em Cristo!

Em Amor e Luz,
Shima.
Namastê.

Gratidão ao Pai e a Mãe!

* A Nave Mãe Terra viaja na órbita solar numa velocidade de cerca de 107.200 km/h.



A NOVA ÓRBITA SOLAR DA TERRA

Esta parte do texto é escrita hoje, dia 18/05/2017, um ano depois do artigo acima publicado no dia 17/05/2016.

A Rampa de Aceleração foi um processo ocorrido a partir do dia 20/05/2015 em que durante a Subida na Rampa, muitos eventos ocorreram, principalmente no que se relaciona ao despertar da consciência humana em seu nível individual e coletivo.

Muitas revelações, instruções e esclarecimentos foram feitos ao longo destes 2 anos.

Durante a Lua Cheia deste mês de maio um grande ritual aconteceu em relação ao Portal 4D entre os dias 09/05 (véspera da Lua Cheia) até o dia 13/05 (sábado), concluindo um processo magnífico para a humanidade terrestre.

Gaia já ultrapassou a sua ascensão consciencial da 4D, passou pela 5D e até a da 6D estando atualmente vibrando no patamar da 7D e em consequência o seu veículo físico, a Terra, já começa a se manifestar como um corpo de quarta dimensão, mesmo tendo a sua superfície ainda num estado de vibração da 3D, onde os resquícios das velhas energias tendem a se desgarrar de forma acelerada a partir deste momento.

Uma parte da Humanidade terrestre que escolheu e decidiu permanecer com a Mãe Terra, já está vibrando agora em 4D, mesmo sentido os efeitos do caos da 3D... isto é natural e está de acordo com o Plano Divino. Por isso vamos confiar, ter muita fé e coragem.

Então, o que está ocorrendo com o tempo?

Está realmente acontecendo algo diferente entre o espaço/tempo linear e o tempo Aqui e Agora?

Se isto é real.. como acontece?

A reflexão e a meditação deve ser feita de forma serena, para que a compreensão deste momento e da nova realidade planetária possa ser inserida na nossa mente concreta, pois usando-se do discernimento e da análise relacionado ao nosso evento da mudança a nível planetário e cósmico será mais facilmente assimilado por nossa consciência física...

Ocorre então o seguinte:

O giro e a velocidade do nosso planeta em torno do seu eixo permanece o mesmo, por isso os ponteiros do relógio continuam marcando as 24 horas.... 

E, também a viagem da Terra em torno do Sol continua na sua rota de 360 dias normalmente, mantendo o seu percurso conforme é visto por nós...

Agora... o que vem acontecendo que não se está percebendo por causa da nossa visão limitada e condicionada a negar algo novo é que a Terra aumentou na verdade a sua velocidade de percurso junto com o nosso Astro Rei, o Sol em sua viagem cósmica... ou seja, a velocidade do cruzeiro está acima do que fazia anteriormente...

Este 3º Fator é que deve ser levado em conta nas nossas pesquisas, estudos e reflexões... já que a Terra sozinha não ocasiona uma transição deste nível, porte e dimensão...

Reflita sobre isso, pois o que se conhece como tempo linear - tempo/espaço - deixa de existir ou predominar diante do tempo cósmico e universal do Aqui e Agora... que é uma visão do nível vertical, de cima para baixo e não no nível de uma calçada quando caminhamos na rua.

É como você estar olhando do 6º andar de um prédio, tendo uma visão mais ampla do ponto onde você está na calçada e a visão de alguém de cima te vendo lá embaixo. O ambiente é o mesmo para quem está na calçada e a visão se limita neste espaço/tempo. No caso da Terra.... ela segue numa alta velocidade agora para acompanhar todo o Sistema Solar que está viajando pela nossa Galáxia de forma mais acelerada...

Pensem nisto.

Gratidão profunda,
Shima.
Namastê




Postar um comentário

 
Top