1


Sobre o Despertar Planetário e Gaia

Saudações da Luz queridas Águias

No último encontro com as águias deixei amorosamente esta mensagem: “Como sempre venho orientando vocês que as postagens que divulgo no meu perfil fazem parte de uma sequência de estudos relacionados aos momentos marcantes que de uma forma ou de outra afetarão diretamente a vida de vocês queridas águias”.

Portanto, sempre é bom usarem estes textos para debates e estudos mais aprofundados, já que a cada estudo, novas informações e revelações são desvendados.

Neste encontro aqui vamos mencionar um pouco sobre a Transição Planetária que começou a afetar muitos de vocês e vai criar uma ruptura radical na vida dos Trabalhadores da Luz. Os últimos estudos dentro do PTL e do GCA servem de farol sobre o que devem levar com seriedade na questão do plexo solar e também do ego inferior, que vai causar ainda mais transtornos nos relacionamentos humanos.

(...) - Penso que uma das razões é a nossa «purificação»; a medida que vamos subindo a rampa e vamos aumentando de vibração, vamos soltando as velhas carcaças e miasmas....e é por isso que afloram os «nossos piores defeitos»...aquelas nossas caracteristicas bem 3D, da personalidade inferior... e já era assim antes, só que agora é mais acentuado. (Irmã TL)

Como já mencionamos sobre os sintomas e efeitos da subida na Rampa, tudo fez sentido e deve ser levado em considerações e práticas. A Transição Planetária deu outro salto em consequência dos efeitos do Ato 12 que fechou toda uma série de procedimentos para que Gaia realmente deixasse o “casulo” Terra 3D e soltasse suas asas rumo à nova esfera da sua evolução planetária.

E desde o dia 3 de setembro, a Transição Planetária iniciou um caminho sem volta.

Essa era a maior incógnita, devido a forte resistência do lado negro que tentou de todas as formas impedir este processo de libertação de Gaia. Havia duas opções nesta Transição – era altamente possível que isso voltasse a ocorrer e Gaia permanecesse aprisionada dentro deste casulo. A outra opção era a sua “soltura” e somente isso seria possível se a Teia Crística estivesse pulsando plenamente e o coração de Gaia estivesse ativado em ressonância com a vibração elevada.

Então, os 12 Atos foram divididos em 3 fases. Uma para unir os trabalhadores da Luz e na segunda, liberar a Força para Gaia através do Amor Crístico e depois com a ajuda dos irmãos estelares, dar toda a proteção e amparo para o procedimento e ascensão de Gaia, o que foi feito com pleno êxito no dia 8 de agosto.

Em razão disto, todas as águias que possuem a energia feminina ancorada em seu ser estão passando por fases de profundas transformações e sentindo momentos de dilemas, conflitos, dores, sofrimentos que não sabem explicar e nem justificar. E nisso, todas essas águias estão fragilizadas já que o que sentem é o reflexo e ressonância desta situação de Gaia sair este corpo denso, físico, grosseiro, largando esta casca e transmutando-se em seu corpo de 4D e 5D simultaneamente.

É muito importante agora o uso do discernimento, já que muitos eventos pessoais estarão sendo afetados e nesta situação, muitas brechas serão abertas através do plexo solar e, a ala feminina principalmente, serão profundamente e extremamente afetadas em sua psique, na sua emoção e na sua capacidade interior e de pensamentos, pois ao mesmo tempo em que Gaia se eleva, parte desta energia telúrica e da força feminina se esvai e se desgarra o corpo físico, a Terra.

Precisam estar cientes disto e o que mais vai aflorar será o aspecto que envolve o ego inferior (da personalidade), a vaidade, o deslumbramento, a fascinação e outras sensações tipicamente femininas como ciúmes, carências, invejas e intrigas, e quando isso começar a acontecer devem imediatamente colocar em prática o estudo sobre o discernimento e prestarem bem atenção no detalhe que falo muito:

- Observar o “antes”, o “durante” e o “depois”.

E como é isso?

(...) – Penso que tem a ver com o ressoar com o coração, deixar e ressoar no cardíaco e passar a ressoar no plexo. Antes estávamos a vibrar amor e perdemos o foco, deixamos de estar centradas no nosso cardíaco e passamos a atuar pelo plexo e deixamos essas emoções “tipicamente femininas” atuarem. (Irmã TL)

As perdas de laços afetivos e de relacionamentos entre amizades virão a acontecer devido as gravidades destes afloramentos. Para amenizar essa situação de desagregação estamos implantando vários projetos internos dentro da GM, que tem por objetivo coibir e suplantar o medo e temor que vem contaminando os campos de trabalhos das águias em sua expansão do Amor Divino.

As dificuldades surgem já que o livre arbítrio deve ser respeitado e nessa questão a brecha é aberta por ação exterior e a contaminação quando identificada já se alastrou e nada se pode fazer quanto a isso no momento. A dúvida, a incerteza, a insegurança tem sido a semente que está sendo disseminada há alguns meses dentro dos núcleos das águias. E começa de forma inocente.

Por isso, os efeitos “espelhos” serão algo surpreendentes.

A própria força desencadeada na mudança de Gaia vai abrir muitas brechas, porque a atmosfera e o campo energético do planeta vai ficar solta e muitas pessoas terão que recolher suas “partes” também soltas na atmosfera, já que todos nós contribuímos de alguma forma nesta contaminação. A dificuldade será aceitar e suportar a pressão da volta destas energias para o nosso campo áurico e como foi emitida pela ação do plexo, será onde estará mais fragilizada e com tendência a receber estes impactos.

Aquilo que chamamos de separação do Joio e do Trigo é isso, a desagregação das energias duais. E isso influencia até os relacionamentos humanos e principalmente familiares e de casais.

No que se refere ao “Juízo Final”, isso já foi determinado agora no último Conclave do Conselho Cósmico Cármico que findou no mês passado.

A subida pela Rampa encerra no ano que vem, mas ainda teremos um giro na nova órbita para desfazer os antigos miasmas, pois velhas energias tendem a se desgarrar na nova vibração e então, nestes próximos meses teremos muitos eventos sobre a superfície do planeta.

E as escalas de paradas na Rampa começaram e muitos já estão descendo agora, da Nave Terra.

A partir de agora até o mês que vem, muitos deixarão esta Nave Mãe e escolherão permanecer na 3D, e quando a grande colheita findar serão levados para outros orbes da 3D e isso, precisa ficar claro e anotado aqui, para que apliquem também os 3 D’s. A ilusão será forte e visível devido a turbulência, mas precisarão estar conscientes e confiantes no propósito divino de que será das ruínas que a nova civilização será reconstruída. Haverá muitos transtornos internos – pessoais e íntimos – e depois externos no ambiente em que vivem. A atmosfera da Terra já entrou em colapso e todos podem observar isso.

O CHAMADO ÀS ÁGUIAS

Há que se alertar as queridas Águias dispersas pelo mundo que vieram para suas missões de vida no propósito de estabelecer o Plano Divino na Terra, que há muitos espaços para suas expressões que podem ser individuais, grupais ou coletivas.
E muitos núcleos de Trabalhadores da Luz foram criadas para a expressão desta força Crística sobre o nosso planeta.

A GM é um desses centros de irradiação do Amor e Luz no planeta.

Dentre os projetos a serem estabelecidos no plano físico há os que vem sendo desenvolvido em regime acelerado para as práticas de vivências nas áreas de dança, música e meditação, além de cursos e treinamentos para diversas áreas da terapia alternativa. O foco ainda tem sido os grupos de estudos no PTL e no GCA com a previsão do início de novas salas de encontros para estudos dos Cristais e outras propostas para serem desenvolvidas de acordo com o plano a nova era.

Um trabalho em fase final de implantação são as GNAs – Grupo Escoteiro Ninho das Águias – que serão incorporadas em todas as NAs do Brasil e de Portugal – com a criação também da Ala Portuguesa –, e a renovação total de todos os setores e divisões da GM que atuam agora de forma independente e autônoma e que foram divididas em Alas GM, MPT, GFH e UTL/USL.

A ala MPT – Missão Paz na Terra, deve difundir intensamente a Bandeira Crística em todos os meios pelo mundo inteiro, unindo-se na tarefa de expandirem e divulgarem o Amor Crístico levando a cada recando do planeta a esperança do Amor e Luz em todos os corações. A ala GFH incumbe-se de implantar todas as NAs onde quer que exista uma águia disposta a participar da MPT, espalhadas pelo território nacional até alcançar as terras portuguesas. Caberá a ala GM estabelecer as diretrizes e focar sempre nos novos modelos da nova era, os projetos da expansão do propósito divino.

Foi restabelecido a DPE – Divisão de Prevenção e Emergência, para os futuros eventos onde são feitos estudos, planejamentos e estratégias para as situações de catástrofes, sobrevivência, socorros e comunicações que terão seus treinamentos estendidos a todo os integrantes dos GNAs e da Ala NAs que ficarão responsáveis por esta área.

Será remodelado também o nosso Templo da Cura para o atendimento das águias, com a abertura de uma sala de atendimento psicológico e assistência espiritual e novas metodologias de rituais e meditações para limpeza e purificação e a abertura do Santuário do Guerreiro para a ala masculina das águias.

Outras novidades que começam a tomar forma ocorrem no Jardim Celestial que vem sendo formatado para novas atividades de estudos de meditação, lazer, comemorações, centros de danças, vivências e músicas. Aos poucos a cada dia que passa, todas as águias da GM vão se integrando e interagindo de forma dinâmica, alegre e expansiva ocasionando momento de descontração e mais união entre seus participantes.

Fica aqui então o chamado especial às águias estelares que vieram a este planeta e nesta encarnação especial para cumprir sua missão com o Plano Divino na Terra. O momento do serviço está pronto e devem servir com Amor, Compaixão, Compreensão cumprindo também a conduta  Bushido, o código do Guerreiro, em suas tarefas e dedicações.



O despertar da consciência espiritual

Muito tem sido falado e estudado sobre o despertar da nossa consciência espiritual que é a missão pessoal de todas as águias e após este evento participar ativamente do despertar planetário, onde a humanidade venha a ser consciente da sua realidade divina e espiritual sobre o nosso planeta.

Somente com a aplicação da Lei Divina poderá a nossa humanidade acordar para o novo mundo que se abre na linha do horizonte. O mundo antigo sistematizado no domínio da força e da escravidão da consciência humana está se desfazendo dia a dia de forma contundente. Não há mais em que sustentar a energia do medo e submissão e impedir o livre arbítrio de uma raça que foi criada para brilhar como as estrelas da imensidão cósmica.

Cada águia estelar deve cumprir seu mandato divino de estabelecer a sua condição espiritual como meio de vida e conduta humana na Terra. Primeiro deve trabalhar o seu despertar individual e depois ingressar nas fileiras dos servidores da Luz para a missão planetária de manifestar o Plano Divino em nosso mundo terreno.

Vamos passar um período turbulento como uma tormenta no fundo do rio, onde o lodo mantinha a sombra da escuridão inundada de ilusões, mas as águias poderão manter suas asas estendidas e voando sempre na direção do sol. Essa é a missão das águias. Serem faróis para o novo mundo. Em sua liberdade, conduzirem a raça humana para os altos valores da vida social e do bem estar de todos, criando a grande fraternidade humana na Terra.

Essa são suas missões individuais, coletivas e planetária.

Confiem. Sorriem e Voem!


Venham e participem. As águias servem na Missão Crística de implantar o Reino da Luz e Amor na Terra.

Assim é.

Em Amor e Luz,
Paz na Terra!
Shima.


Postar um comentário

 
Top