0

Sobre o aparecimento de naves

Saudações da Luz!

Lembram dos nossos estudos e práticas sobre o Aqui e Agora? Sobre o espaço/tempo?

Vamos analisar uma viagem de avião de um continente a outro, numa viagem de 24 horas numa distância de um país a outro de 24 mil quilômetros. Pois bem, esse seria o tempo de voo do avião nesta viagem.

Agora vamos analisar o caso, do piloto ter recebido ordens de retardar o voo, devido a alguma situação no ponto de chegada, então em vez de chegar em 24 horas, vamos ver como seria esse voo se pedissem para levar 48 horas para a chegada?

Então se o avião voasse a 1000 km por hora teria que reduzir este tempo de voo, já que a distância a ser percorrida seria o mesmo, concordam?

Então, o piloto reduz a velocidade do vôo para 500 km por hora, ou seja, a metade... então cumpriria a rota do vôo e chegaria um dia depois do programado inicial mente... e nada sairia da normalidade nesta viagem... compreendem isso corações?

No caso de 2012, é que foi reduzido o tempo e não o espaço, então o movimento do planeta em seu holograma sofreu alterações durante o ano de 2012...

Estamos no mesmo espaço, percorrendo o mesmo caminho, apenas que o tempo foi inserido numa condição de "não tempo" onde essa viagem de um ano terrestre, de forma cósmica, tornou-se 7 anos, e neste caso, se houver condições de pouso na chegada do avião antes do previsto o piloto pode receber autorização para acelerar o voo e retomar a velocidade inicial se tudo está bem para a viagem, e foi isso que ocorreu agora depois da vitória da luz em janeiro ultimo,  tudo é possível agora, então os 7 anos podem ser abreviados e tudo ficará mais acelerado, e como disse a todos no início do ano, este 2015 terá o tempo de 6 meses, percebam isso e está ocorrendo, muitos não acreditaram, mas é um fato.

Esta parte do estudo foi feito no encontro em que foi feito o “Esclarecimento a dúvidas relativo ao Evento” em 27/04/2015.

Sobre o Evento do dia 20 de maio

O Evento do dia 20 de maio de 2015, ainda não está totalmente esclarecido justamente porque este é o primeiro artigo que estou escrevendo para falar do assunto e serve como reflexões profundas para todos os Trabalhadores da Luz, já que a maioria das Águias compreenderam o sentido e o propósito da Missão Paz na Terra. Sabiam que o aparecimento das naves não era o foco do nosso Evento e sim, reunir o maior número de Trabalhadores da Luz para a Grande Invocação.

A menção do aparecimento das naves era um fato. E este evento era a parte subsequente da Mobilização para o dia 20 de maio, mas antes muitas etapas deveriam ser cumpridas, e uma delas seria a reunião de 144 mil Trabalhadores da Luz. Este número foi passado como decisivo para a vinda dos nossos irmãos de forma visível e o ato de servir e não ser servido foi o tema da maioria dos nossos encontros, pois a questão do egocentrismo deveria ser transmutado para o trabalho do todo. A União dos Trabalhadores da Luz definiria o rumo dos acontecimentos, se as naves viriam ou não.

Este estudo foi debatido bem no início, quando as Águias foram consultadas se queriam mesmo este evento. E se compreendiam o verdadeiro propósito do chamado feito por Ashtar.

“Agora, vamos aos pontos principais do nosso estudo desta noite...

O que falamos sobre o desejo da nossa personalidade, baseia-se na construção do que somos como um mundo separado do todo, queremos para si próprio, para a satisfação do ego inferior e, esquecemos do propósito maior e mais humanitário de estarmos prontos para servir os nossos mestres internos que são movidos pela vontade superior no serviço à raça humana.,  e nossos mestres internos são unos juntos aos nossos irmãos estelares interplanetários e interdimensionais, então nessa compreensão, alcançamos o nível ideal do serviço e não ser servido.

As naves não vem, e nem tem essa intenção de satisfazer egos ou curiosidades, mas chegam para um serviço maior à raça humana, mas queremos que eles sejam da nossa forma limitada e egoísta aparecer bem diante de si para que apenas possam provar que existem, e não se percebe que eles vem para atuar a nível global...” (O Aparecimento das Naves - 15/04/2015)

Sobre as naves

Como divulgamos, não são este tipo de naves que virão da visão terrena que muitos tem, de aço, metal, alumínio. Nada disso, são naves plasmáticas que vão se materializar nos céus, e então sim os radares vão disparar em alguns casos, até o momento da aparição não serão e depois não temos a pretensão deste evento ser divulgado na mídia, apenas para todos os trabalhadores da Luz, que é a meta principal... Pois é um acordo feito antes entre nós e eles do comando.

Quanto à aparição fiquem tranquilos, surgirão do nada nos céus, irão parecer nuvens em alguns lugares, em outros farão passagens...

Ontem postei dois links no encontro no final, sobre duas formas em que atuam as naves do Comando. Basta ver esses links para se acostumarem... Tem muitas destas formas de aparições...

Estes dois dão para ter uma ideia de como são vistas lá em órbitas e aqui nos céus, e como também os governos e os militares já sabem disso há 6 décadas. Nos dois casos, são naves do Comando

Serão vistas em todo o planeta a partir deste evento, pois com a Grande Invocação estaremos selando o compromisso como Humanidade em nossa missão Terra. Já que todo o Ato 4 amanhã será um só.

No caso, das naves podem falar, mencionar e avisar, mas não é necessário falar disso, já que o aparecimento das naves serão efeitos destes trabalhos sendo feitos pela Grande Fraternidade Humana...

Uma parte da humanidade - os trabalhadores da luz – acreditam, a maior parte não, então não vão interromper seus afazeres e compromissos para ver algo que não acreditam, concordam com isso?

Se a ação dos trabalhadores da luz não for adiante, porque então eles deveriam aparecer, já que não estarão em sintonia com os seres estelares?

Uma visita deixa de ir a um lugar se souber que não será bem recebido, ou não terá a atenção, isso é normal aqui e lá em cima...

A nossa consciência deve ser lúcida o suficiente para envolver todos os possíveis trabalhadores da luz neste evento, o momento é agora, deixar a ilusão do ego para trás, e prosseguir na unidade de que somos uma só humanidade. Não é essa a linguagem que todos os trabalhadores falam diariamente?

Então porque na hora de mostrar e fazer isso acontecer recuam?

Há sinceridade? São verdadeiros? São conscientes?

Dentro do Decreto da Humanidade, há senhas para todas essas Águias que as acordarão no momento em que receberem a mensagem,  e não importa onde estejam, ou em que condições estejam vivendo suas vidas, simplesmente acordarão, e virão!

Por isso cabe a vocês, divulgar e espalhar a mensagem e o evento...

Tem duas formas de fazerem isso, diretamente anunciando a vinda dos irmãos estelares ou então, motivarem a todos a participar da Missão Paz na Terra que são as mesmas formas de chamar nossos irmãos estelares, compreendem isso?

O Processo de Reconciliação

No Ato 3 da Mãe Divina as atividades foram focada no resgate do Amor Divino através da ação dos Trabalhadores da Luz, para com Gaia. E foram nos 4 rituais realizados dentro deste Ato que a Humanidade fez a sua reconciliação com a Mãe Terra, possibilitando nesta atitude criar o sentimento de União entre todos os Trabalhadores da Luz. Assim o reconhecimento sobre a nossa irmandade dentro de uma família humana foi consagrada através deste serviço de Amor.

Foi neste trabalho dedicado à Mãe Divina que desencadeou todo o processo definitivo para o encontro da Grande Invocação, porque o espirito da Fraternidade tomou uma forma jamais vista ou vivenciada entre todos os Trabalhadores da Luz. Era notável que o foco na Missão Paz na Terra tenha se consolidado nesta etapa do Ato 3, tornando possível um grande salto no evento seguinte, o do Ato 4.

O que ficou exemplificado no Ato 3 do Amor Divino foi uma semente plantada nos corações de todos. Que era possível ainda alcançar o nível da vibração contida na mensagem de Ashtar em nosso primeiro encontro, o que possibilitaria o contato cósmico:

Mensagem do Comandante Ashtar

“Quando nos sentimos em paz, com o nosso interior em harmonia, em nossos lábios brota o sorriso, e nossos olhos resplandecem a alegria da alma... Alma estelar, alma divinas como anjos, e nessa integração somos unos com todos os irmãos estelares, a única força que nos une é a do Amo, e esta força nos leva à compreensão e no momento em que entendemos o que somos, quem somos, a expansão da nossa consciência alcanças níveis cósmicos... Que o Amor e a Luz sejam sempre a vossa bússola na jornada Terra! Paz em vossos corações. Ashtar.”

Embora todo o Evento tenha sido dividido em 4 etapas e mais 4 fases integradas num Ato, isso foi devido à necessidade de uma preparação e uma conscientização em massa de todos os Trabalhadores da Luz para consolidar de forma consistente a realidade da Grande Fraternidade Humana da Terra. O tema do evento foi e continua sendo a Missão Paz na Terra, por isso muitos se desviaram do foco e do propósito final que era a nossa Reinserção na Sociedade Cósmica que foi consumada, mesmo que o número exigido não fosse atingido.

O dia 20 de maio de 2015 foi o ponto culminante para esta meta, a reunificação de todos os núcleos de Trabalhadores da Luz. Esse trabalho já vinha sendo desenvolvido de forma intensa desde o início do mês de fevereiro e divulgado constantemente como sementes para a formação numa primeira fase do Movimento Global dos Trabalhadores da Luz e em seguida a criação da União dos Trabalhadores da Luz para depois iniciarmos a fundação da Grande Fraternidade Humana da Terra.

Esta instrução já era do conhecimento de todos os que me acompanhavam nesta jornada, desde os primeiros artigos que publicava sobre a necessidade de União entre todos nós, conforme o despertar da consciência ia ocorrendo. E também, que somente isso seria possível pela Força do Amor. Superar as questões do egocentrismo seriam o maior obstáculo nesta missão, pois os egos iam aflorar diante da potência da Luz. E a Luz incomoda mesmo as sombras e as trevas.

O Ato 1 da Mobilização que culminou com a fundação oficial da Grande Fraternidade Humana da Terra foi confirmada e consagrada no Festival de Wesak durante o Ato 2. Então, tudo esteve dentro das normas de procedimentos da Ordem Divina. Faltava agora a nossa invocação sobre a reinserção da Humanidade na comunidade cósmica. Para isso é como um plebiscito, precisa de um número mínimo. E também a confirmação por parte da Humanidade do compromisso do serviço à Luz e da realização do Plano Divino na Terra.

Este Ato 4 no Evento do dia 20 de maio de 2015 foi o Plebiscito da Humanidade para confirmar se queria também essa reintegração. E a entoação da Grande Invocação por milhares de Trabalhadores da Luz em volta do planeta ressoou no cosmo. A oposição à Luz foi demolida nesta Ação que promoveu a União e selou definitivamente a vontade da Família Humana em seu propósito de servir ao Poder da Luz e do Amor. Foi esta a meta alcançada. A União.

Outro ponto polêmico foi a publicação da Carta Aberta ao Mundo.

No encontro em que esclarecemos sobre a necessidade de se cumprir as normas legais do plano terreno, a emissão desta Carta servia apenas ao propósito de registrar o fato que adviria o Evento do dia 20 de maio, e foi publicada diretamente para as duas instituições humanas que ainda mantêm o poder na Terra. Havia um prazo legal que considerava o tempo de 15 dias suficientes para tomarem ciência do que viria a ocorrer no planeta neste dia e que a existência da Grande Fraternidade Humana da Terra era agora um novo representante da Humanidade diante da Sociedade Universal, e não mais eles.

Isso também seria confirmado no dia 20 de maio pela União de todos os Trabalhadores da Luz durante a Grande Invocação num mesmo horário. A Força do Amor e da Luz se manifestou como o novo Poder neste planeta e isto, eles assistiram. Nem mesmo o pedido de auxílio às forças alienígenas negativas surtiram efeito em seu duplo ataque contra dois dos 4 Portais de Luz que era mantido em segredo e que estavam sob a proteção da Frota Intergaláctica. Este ataque ocorreu durante a Grande Invocação e foi aniquilada pela ação imediata do Comando Ashtar, numa batalha que se estendeu por mais de cinco horas de combates.

A nossa Reinserção na Sociedade Cósmica

“Este é o desafio agora, vocês que vão marcar a data deste reencontro!

Quanto tempo levariam para criar o mínimo de estado de Paz, reconciliação, e Amor entre todos? E para que haja a União entre todos os Trabalhadores da Luz para um propósito comum, resgatar nem que seja uma parte da humanidade para criar o espaço de implantação da Luz plena no meio de nós?..

Que cada centelha agora como um anjo estelar pegue a sua "bandeira" e comece a estabelecer a unidade em volta com seus afins reunindo-se para um fim em si mesmo  e em cada uma dessas unidades seja criado um ponto focal de Luz.

Que estes Pontos Focais de Luz possam ser acendidos por todos os recantos do planeta, pelo menos em seus mínimos propósitos de unificar num mesmo pensamento, sentimento e ação...  Que o esforço de cada um seja potencializado por todos vocês por todos os corações de Luz.

Atitudes corretas, intenções corretas, ações corretas com Amor!

 É possível isso?

Conseguiriam divulgar isso tudo, espalhar pelo mundo essa proposta?  Criar um movimento global com essa intenção e propósito?  Que somos uma Fraternidade Humana, que a Paz seja estabelecida. 

Acreditam nisso corações?

Se acreditam e querem fazer algo , então será possível agora marcar a data.

Divulgar... informar... esclarecer, despertando cada Trabalhador da Luz para um propósito único,  um objetivo apenas, uma intenção focada numa meta, e conforme vão chegando unam-se, criem espaços para que essa união se fortaleça, cresç e seja acompanhada por vocês mesmos...

Digam agora o que acham da data de 20 de Maio de 2015? Devem difundir o sentimento da Paz que une irmãos, a começar por todos os Trabalhadores da Luz.  

Vale de tudo, meditação individual, grupos de meditação serviços em benefícios aos irmãos necessitados, campanhas de ações caridosas , demonstrações sinceras e ativas de compaixão, e atividades de resgate da condição humana...

Quebrar paradigmas e criar o novo momento, falta a vez da Humanidade fazer a sua parte, só isso!  Façam o desafio a si mesmo corações!

O lema será a "Paz na Terra" e esse movimento terá o propósito de reunir os 144 mil, o assunto do dia será sempre a paz...

Se querem limpar a casa,  então comecem pela  tarefa de criar a "Paz na Terra!"... Esta atitude já demonstra a intenção sincera de todos vocês, e então cada tarefa individual será medida pela própria Luz irradiada, e será por esta Luz que os Comandos da Frota estarão olhando e observando,  e se a Humanidade marca uma data específica para o Reencontro cósmico, então se a parte da Casa for feita ou iniciada, então virão!

Se vocês mesmos quiserem esperar mais... Eles lá em cima tem a eternidade para aguardar a nossa decisão, se assim for o caso!  A questão agora é de decisão!

Se a mínima graça é atendida, então como ficaria um pedido mundial?

Qual entidade cósmica não atenderia a decisão e a escolha de uma humanidade de Anjos estelares encarnados num planeta?

Que se crie um "contador", para que se atinja os 144 mil pontos focais no planeta esses serão o manto estendido aos nossos irmãos estelares!

Nada impede de cada um criar um grupo ou evento corações...

Não há necessidade de agrupamento num só local, é um evento a nível mundial as naves descerão por todo o planeta, onde houver estes pontos focais...

Basta que no dia marcado e na hora marcada todos estejam a postos, e prontos,  e que a hora seja ao do Sol no ponto máximo a partir de um local. 12h00 (Brasília/Brasil)...

Estão todos de acordo então com a data e hora do Reencontro Cósmico?

Receberão todos as instruções e orientações sobre como criar este evento. Tudo começa pelo Coração, a intenção e pelo Amor... a ação!

Serão orientados todos aqui, e quem decidir criar grupo, ou evento devem estar em comunicação para que possamos fazer a contagem do número de pontinhos... Na data marcada todos os pontos focais devem estra ativos em plena consciência e lucidez, sobre o verdadeiro significado da paz.

Não vamos esperar esse dia para falar da paz, mas começar a exercer a paz agora. As bases deste trabalho, estão no conteúdo destes dois encontros o da semana passada e o de hoje.

Os 4 Atos

1) Mobilização de todos os Trabalhadores da Luz no mundo inteiro.

A Mobilização deverá ser feita, pois quando várias famílias se integram, formam uma sociedade e bastará essa formação, unindo todas as sociedades no planeta, através da representação de todos os grupos de Trabalhadores da Luz que a criação e fundação da Grande Fraternidade Humana da Terra terá efeito...

Isso significa então, que a União de todos os Trabalhadores da Luz, dará início ao Movimento Mundial, onde os alicerces desta Fraternidade, será possível, e real.

Todos vocês, amados Trabalhadores da Luz, já vinham sendo preparados para este Grande Evento Planetário, que promoveriam o reencontro com nossos Irmãos Estelares, e Comandos das Frotas Intergalácticas, já que vocês mesmos, são parte e membros destas Frotas, encarnados e aqui presentes.

Todos os grupos em que atuam ou são membros, devem ser informados deste grande evento no dia 20 de maio como também dos atos que serão desencadeados nos outros 3 atos, pois será através deste conjunto de atos, que o Decreto da Humanidade terá efeito decisivo e será aceito.

Usem de todos os meios possíveis de divulgação e compartilhamento para passarem as mensagens e o chamado geral a todos em qualquer parte do mundo e em todos os idiomas.

Porque é mencionada aqui a meta de 144 mil pontos focais? Alguém tem dúvidas a esta questão?

Cada um de vocês aqui, deve ser o divulgador (a) e o mensageiro (a) desta informação e chamado geral, combinado isso corações?

A Unidade dos Trabalhadores da Luz deve ser o foco da nossa atenção e atuação, sem isso, nada poderá ocorrer.

A questão de egos devem ser deixados de lado, colocando a missão de todos num mesmo propósito agora, com a intenção de alcançar o objetivo almejado, e devem atuar sempre com o coração vibrando em Amor, e nada desejando senão a realização do Plano Divino, e este Plano Divino será altamente eficaz com a participação direta dos nossos irmãos estelares no plano físico nos ajudando e amparando em todas as frentes.

Conseguem visualizar a dimensão desta União entre todos nós, corações?

Na verdade, antes de reencarnarem vocês estavam na Frota, e depois diante do comandante Ashtar e de Sananda assumiram voluntariamente a missão de virem a existência física e se prepararem para atuar no plano terreno para a implantação da Luz e do Plano Divino na Terra,  e foi formado um grupo de voluntários, conhecidos como Águias do Comando que somam cerca de 144 mil voluntários, e mais os reservas, caso alguns desistissem da missão, porque os Seres de Luz lá de cima, não podem intervir no livre arbítrio aqui na Terra então, ficou decidido que enviariam os voluntários para a densidade física, e então com o uso do livre arbítrio em corpo carnal, poderiam executar as tarefas de mudanças e transformações na Humanidade, alcançado assim o propósito da Luz, e do Plano

Entendem este ponto corações? É aqui a realidade de vocês todos. Águias! É como nos dois estudos anteriores, se os visitantes já anunciaram a vontade de vir, o que impede que eles venham?

Acreditam que viriam sem avisar e sem permissão? Iriam entrar na casa de vocês, mesmo sendo membro da família?

Porque simplesmente esperam que aceitemos a visita, e que marquemos o dia deste encontro nada mais que isto...

Vamos então definir isso, os 144 mil pontos focais são de extrema importância, é como acender os faróis na pista de pouso dos aeroportos, são sinalizações de que serão bem recebidos, aceitos e permitidos a entrar na nossa atmosfera com segurança podendo até aterrissar se assim desejarem.

2) Entrega do Decreto da Humanidade para a Hierarquia Espiritual durante o Evento de Wesak.

Aqui no Ato 2, a entrega do Decreto da Humanidade deve ser feito como um ritual em que a Ordem Divina deve ser seguida, já que tudo o que estaremos realizando durante todos os eventos está dentro do processo de precipitação.

Na fase da Luz Crescente, a Humanidade se reúne e define o que quer na Lua Cheia, no evento de Wesak, faz a apresentação deste desejo e então na Lua Minguante inicia-se o processo de precipitação, uma vez aceita pela Hierarquia Espiritual este Decreto, e com o Poder da Mãe Divina, então este Decreto desce para o plano físico para a sua manifestação que deverá ocorrer na fase da Lua Nova, que simboliza a manifestação, onde a Vontade da Humanidade será realizada e neste caso, o reatamento das nossas relações com a sociedade cósmica...

Este Decreto é destinado à Hierarquia Espiritual que são representantes dos Conselhos Universais dos interesses do nosso planeta e da nossa humanidade, e até que o Governo Planetário seja restabelecido na Terra, essa Hierarquia assume o governo provisório desde que foi formada...

Aos governos e comandos militares terrestres serão passadas mensagens específicas e veiculadas na mídia, e nas redes sociais para que não tomem iniciativas ou ações ofensivas de interceptação ou ataques às naves visitantes que virão em missão de Paz, e todas as operações da Frota terão a iniciativa da concordância da Grande Fraternidade Humana da Terra.

Como no evento de Wesak, é uma festa da Humanidade, será o momento ideal para apresentar este decreto de invocação, já que todos os seres de elevada Luz e autoridade estarão presentes no evento incluindo o Buda Gautama e o Cristo Maitreya, além de representantes de todos os mestres ascencionados e do conselho cármico, nada ocorre ao acaso e sim na sincronia cósmica.

Neste dia durante o dia todo a Grande Fraternidade Humana representada pela União dos Trabalhadores da Luz na Terra, farão plantão o dia inteiro em meditação e reflexão, sustentando o compromisso firmado neste decreto, enquanto o nosso pedido é analisado, avaliado e julgado neste evento de Wesak.

Uma vez aprovado este decreto creiam que será precipitado no plano físico, na humanidade e uma Ordem Divina será emitida a todos os cantos do Universo, incluindo a todos os Comandos da Frota Estelar, a presença de Ashtar e de Sananda neste evento de Wesak está confirmada.

Ha sim um tempo bem diferenciado em outras dimensões, que é o Aqui e Agora... Para nós terrenos cumpriremos a nossa agenda programada nestes horários, pois isso é para o cumprimento oficial da cerimônia a nós reservado, no exato momento da nossa apresentação os canais de todo o Universo estarão acionados, para que os seres do Universo inteiro possam acompanhar este momento conosco, é como assistir na TV ao vivo, uma cerimônia de um evento... Não será apenas para os seres presente em Wesak...

3) Invocação à Grande Mãe Divina

A interseção de Mãe Maria será decisiva neste processo da nossa reintegração, já que Ela representa a Mãe Divina na Terra,  e Ela sempre intercede por nós, diante de todos os Conselhos Espirituais, e diante destes Conselho Maiores, somos vistos como Filhos e Filhas desta Mãe que renunciou às mais altas glórias para nos amparar aqui na Terra, sendo Ela portanto, a representante direta da Mãe Divina, onde sem essa Poderosa Energia Feminina, nada ocorre ou acontece na Criação, assim como a semente masculina não fecunda se não encontrar um útero fértil. 

 Esta é a Lei da Precipitação

Então o cerimonial no dia 10/05 deverá ser direcionado à Mãe Maria, com o pedido de graças, para que seja promovida a nossa reconciliação como irmãos e irmãs na Terra onde o orgulho, conflitos, desavenças, discórdias, desuniões sejam todos redimidos, me que a nossa redenção promova a nossa união como Filhas e Filhos da Luz, e assim na consolidação dessa Irmandade, a Grande Fraternidade Humana seja consagrada sob a sua Bênção.

Somente com essa consagração, poderemos estar diante de nossos irmãos cósmicos, já que uma Unidade será sempre Uno com o Todo.

A Grande Invocação deverá ser entoada durante o dia inteiro e na semana inteira, enquanto promovemos a paz em nossos corações durante todos os dias, até que a nossa energia amorosa seja sentida por todos com quem mantemos laços de irmandade em qualquer nível ou grau ou gênero.

Não haverá fronteiras e nem diferenças, toda a intenção e ação será no propósito do reconhecimento mundial de que somos uma Humanidade, só as orações, meditações, reflexões, e contemplações deverão ser neste objetivo e foco.

As nossas atitudes diárias, deverão ser contínuas... mesmo que não sejam finalizadas, devem manter o propósito da intenção com Amor e expandir esta energia amorosa por onde passarem, estarem e nas atividades rotineiras de todos vocês a soma das atitudes corretas nas relações humanas, sustentarão a força e o poder desta irmandade a Compreensão e o Amor serão suficientes para expandir esta energia.

O sentimento de Perdão para si e para todos deve ser uma prática diária evitando todos os conflitos desnecessários com a consciência desta irmandade assim como perdoam um irmão biológico, assim devem fazer com todos os seres humanos a volta em qualquer situação sem exceção...

Reflitam sobre todos os pontos negativos que envolvem determinada região do planeta, vejam onde a energia amorosa está ausente, e enviem emanações de amor, cura e amparo a todos eles somente esta ação firme, determinada em benefício da raça humana, já será poderosa o suficiente para causar a intervenção de nossos irmãos celestiais para a ajuda.

Foco contínuo, somado a todos os Trabalhadores da Luz num mesmo foco, cria feixes de Luz numa potência incrível e surpreendente, e todos ao mesmo tempo, durante uma mesma tarefa e ação, poderão desencadear as mudanças e transformações milagrosas no planeta todo.

4) Restabelecimento dos vínculos sagrados com a Sociedade Universal.

Agora é que a coisa pega, querida Águias, estão prontos para este Reencontro físico com nossos Irmãos Estelares, ou preferem ficar omissos como se nada fosse do interesse de cada um aqui?

Ou então, temem passar pelo ridículo ou serem motivos de zombarias?

Nada devem temer. Confiem e acreditem no potencial e no poder do livre arbítrio de cada ser, de cada alma são seres divinos e anjos estelares. Não haverá razões para vivenciarem o ridículo a não ser em suas mentes ilusórias ou descrentes. O fato de negarem a si mesmo a oportunidade de servirem à Luz neste momento sinaliza que ainda precisam avançar mais adiante nesta jornada terrena.

Se haverá alguém a ser responsabilizado por qualquer expectativa frustrada ou decepção coletiva, por este Movimento Global, caberá a mim mesmo, pessoalmente assumir suas consequências. Portanto, queridas Águias decidam. Façam o voo das Águias!

O Movimento Mundial será chamado de Missão Paz na Terra.

É a nossa ação em prol do estabelecimento da Grande Fraternidade Humana na Terra.

A Quarta Estrofe da Grande Invocação define que caberá a Humanidade o estabelecimento do Plano de Amor e Luz. Todas as 3 partes deste Decreto Divino já foram cumpridas, falta a nossa parte.

Que se cumpram o Plano Divino na Terra, agora!

Certo que vocês entenderam até aqui os esclarecimentos ,então vamos tomar ciência de uma realidade que para muitos é pura ficção ou devaneio...

Já viram o nosso planetinha Terra, circulando pelo sistema solar, como é essa visão?  E o nosso sistema solar gira em torno de outro grande sistema com um sol central, e sabem disto, então temos a consciência da nossa localização num dos braços de Órion, que forma a nossa via láctea, é assim mesmo? Como fica então a presença da Terra nesta imensidão cósmica?

Percebem a dimensão e grandeza da nossa galáxia, e de como é a nossa pequenez diante desta Criação apenas nesta galáxia, e dentro deste planetinha, o que parecemos sobre a superfície da Terra?

Qual o significado e a dimensão que somos sobre a superfície, e depois diante de toda essa Galáxia?

Então a verdade que é exposta aqui, é que os comandos estelares são a força integrante nesta Galáxia e fazem a sua missão em todos os sistemas solares e cósmicos, levando o amparo o serviço e a proteção a todas as formas de vida e aos planetas existentes.

A questão que é levantada aqui é esta como gostariam de receber estes irmãos estelares, esses representantes da nossa galáxia e suas naves? De qualquer jeito, com a casa desarrumada, com falta de vontade, com desinteresse?

Como vocês se preparam ou recebem visitas ilustres, em sua cidade ou em sua casa?

A Terra tem que estar preparada com a humanidade vibrando mais amor, vamos agitar começar a arrumação da casa.

Sendo os Comandos Estelares os guardiães cósmicos.. que inclusive atuaram na vigilância da nossa quarentena cósmica. Como acham que devemos nos conduzir a eles para pedir a nossa reinserção na sociedade galáctica?

Sim, muito Amor e Gratidão, e também a intenção manifestada através do nosso compromisso expresso num Decreto Divino de que assumimos o acordo de nos honrar como irmãos numa grande fraternidade pacífica e amorosa, e colaborar na realização dessa irmandade em nosso planeta daqui em diante até que o Plano divino seja uma realidade entre nós.

A importância de todo o Evento deste Reencontro Cósmico, terá seu ponto central e principal neste evento de Wesak, já que o Ato 3... Será focado na Reconciliação da humanidade entre si mesma, onde o reconhecimento entre irmãos será feito pela intercessão da Mãe Maria durante todo o período que perdurar este evento mundial.

A Grande Revelação será comunicada ao mundo a partir de agora, para que as consciências comecem a despertar de fato para essa nova realidade entre todos os Trabalhadores da Luz.

O Ato Final, o 4 será o restabelecimento da nossa Reintegração na sociedade cósmica e isso será feito pela intermediação do comando da frota estelar de forma física e visível... Será apenas o cumprimento do protocolo... Sem a presença dos nossos irmãos estelares a humanidade não poderá ascender de forma segura e nem dar o salto quântico para a quarta dimensão.

Essa Intervenção Divina da Frota Estelar é parte do Plano Maior, e a própria presença das Naves, já irá causar um despertar em massa da Humanidade... e da nossa relação com os irmãos estelares, todas as Naves virão em missão de Paz, de estabelecer a Paz na Terra,  e consumar isso a partir do nosso Decreto com a autorização da Ordem Divina emanada do Coração do Pai.

Não foquem a atenção no ato final, e sim no Ato 2, sem isso o Ato 3 e o 4 não prosseguirão.        

Que no grande e esperado momento, saúdem os nossos irmãos Estelares, e o Comandante...  Que sejam bem vindos em amor.

Isso vai ser muito importante, e chocante para muitos por isso a conscientização de nós mesmos nesse processo inteiro. Já que o Ato 3, é a prova de que estaremos envolvidos em todo o processo de Reconciliação, e para a confirmação de que estaremos de fato, caminhando para a nossa Unidade como irmãos e irmãs na Terra.  Sigam o protocolo dos 4 Atos de forma correta. Cumpra-se cada parte com intensidade e devoção... Façam tudo com Amor, o Amor Crístico que brota da chama trina, de nosso interior, e a Força estará em ação...

Onde a Luz emergir, a sombra irá desvanecer! Acreditem nisso, onde houver reação da treva, é onde a sombra irá aflorar, e será onde a Luz estará atuando, por isso a Luz incomoda, principalmente agora com esse Movimento Global da União dos Trabalhadores da Luz. Estamos na fase da Reconciliação, do Perdão, da Compreensão, e do entendimento.

Restabelecer o vínculo Sagrado 

No dia deste evento 20/05, deverá ser totalmente focada nesta intenção e proposta, cujo compromisso será firmada por to dos nós,  e na União de todos os Trabalhadores da Luz. Manifestamo-nos como representantes da nossa Humanidade, e isso será um compromisso formal firmado inclusive diante dos Conselhos reunidos no evento de Wesak, o que gera dívida cármica se não for cumprido por uma das partes ou individualmente, e isso deve ser a nova consciência de cada Trabalhador da Luz neste compromisso diante dos nossos irmãos cósmicos, e estelares... A maturidades alcançada hoje pelos Trabalhadores da Luz durante os últimos anos, na sua espiritualidade criaram as condições de serem escolhidos como representantes desta humanidade ainda em evolução...

Por isso muitos e milhares de vocês passaram por intensos processo de limpeza, purificação e elevação de suas energias, sutilizando-se para este momento atual.

Bastam apenas 144 mil pontos focais que sustentarão, diante de uma população de 7 bilhões de encarnados para causarem o maior despertar que esta humanidade jamais vivenciou.

Conseguirão, queridas Águias em menos de um mês reunir e mobilizar 144 mil irmãos, e anjos estelares nesta missão de Paz, e que cada um destes pontos focais, estejam alinhados neste propósito de reintegração social com nossos irmãos estelares?

Agora, registrem, copiem, e divulguem este Decreto Divino da Humanidade, para todos os anjos estelares, os trabalhadores da luz, guerreiros da luz e as águias do comando para que distribuam a todos, e somem-se em 144 mil decretos espalhados pelo mundo inteiro.

Nosso Decreto

“Em nome da nossa Divina Presença Eu Sou e do Santo Cristo Pessoal, invocamos a partir desta data de hoje, 04 de maio de 2015, diante da Grande Fraternidade Branca, da Hierarquia Espiritual, do Tribunal do Conselho Cármico e do Comando Ashtar, a nossa Reintegração na Sociedade Cósmica e Universal, da qual somos partes como Filhos e Filhas da Luz.

Que esta Grande Invocação seja cumprida e estabelecida na Terra o Plano Divino.

Em Amor e Luz, está feito e selado este compromisso de acordo com a Lei Maior.

Grande Fraternidade Humana da Terra.”

Este Decreto da Humanidade será pronunciada nos dias dos encontros e reuniões de Wesak, da Mãe Divina e no Reencontro do dia 20/05.

Todos tem acessos às redes sociais e todos os meios de comunicação de massa, façam isso chegar ao mundo inteiro, isso será possível se agirem de forma continua, persistente e determinada. Somente a ação será o poder para desencadear o sucesso deste movimento global.

A Grande Fraternidade Humana da Terra

ATO DE FUNDAÇÃO

No Ano III da Nova Era, aos vinte e cinco dias do mês de abril do ano terrestre de dois mil e quinze da era cristã, na presença divina de toda a Hierarquia Espiritual da Terra, do Tribunal do Conselho Cármico da Humanidade, da Grande Fraternidade Branca dos Mestres Ascensionados, do Comando Central Estelar e de todas as Hostes Sagradas dos Seres de Luz dos Reinos Angélicos, Dévicos e Elementais, é oficialmente formalizada esta reunião com a Humanidade Terrestre aqui presente e representada pela União dos Trabalhadores da Luz da Terra que é composto de forma individual, grupal ou coletivamente por todos os seres humanos espiritualmente conscientes ou inconscientes em sua condição física e encarnada no plano terreno da terceira dimensão física, com o propósito de estabelecer definitivamente em nossa realidade interdimensional e fundar os alicerces da Grande Fraternidade Humana da Terra que terá o objetivo de elevar a raça humana em nosso planeta para os mais elevados conceitos e práticas das corretas relações entre todos os seus integrantes que habitam o planeta Terra, onde todas as ações de pensamentos, sentimentos e atitudes serão regidas pelas Leis Divinas e pela  Cosmoética vigente em nosso Universo Manifestado, cujas essências serão sustentadas pelo Amor, Compreensão, Compaixão e Misericórdia entre todas as Emanações de Vida em nosso planeta e em todas as esferas de Vida existente no Plano Universal da Criação, fortalecendo a expansão de nossas consciências até que abarque todas as consciências divinas na totalidade dos reinos da Criação, e resgatando para a eternidade a nossa condição de herdeiros divinos e partícipes inseparáveis da Sociedade Universal, Cósmica e Galáctica, da qual nos originamos como seres espirituais e  nos desenvolvemos em  nossa jornada como sementes estelar na caminhada do aprendizado, crescimento e amadurecimento, buscando na seara do Pai Criador as lições que a Vida nos proporciona como Conhecimento e Sabedoria até alcançarmos a Maestria de sermos pródigos como Filhos e Filhas da Luz. E neste Ato de Fundação da Grande Fraternidade Humana da Terra assumimos o compromisso sagrado de zelar, proteger, sustentar, expandir e difundir a Luz e o Amor em nosso planeta e em todas as relações universais com as quais estivermos interligados como almas divinas, pedindo neste instante do Aqui e Agora a nossa reinserção e o retorno do nosso convívio humano com a Unidade do Todo. Que seja deferido também o nosso Decreto da Humanidade como parte integrante deste Ato de Fundação sustentado pela Quarta Estrofe da Grande Invocação, na qual nos reconhecemos como o Centro a que se chama a Raça dos Homens. Assim de acordo com a Vontade Maior do Criador está feito e selado este encontro de Anjos de Luz conhecidos na Terra como os Trabalhadores a serviço do Plano Divino. Em Amor e Luz selamos este compromisso. (Grande Fraternidade Humana da Terra).

A mobilização e divulgação

Temos metas, e temos um objetivo no final desta programação, e o objetivo pode ser mencionado, mas a força da ação deve ser focada em cada etapa... no caso agora é o da “Mobilização”...

 O que é para vocês corações, o sentido desta Mobilização?

Sim criar um campo de força e também criar a União  neste caso, além de metas e objetivo temos as etapas.  Vamos ver o que queremos para que não fiquem dúvidas.

O nosso objetivo é criar a Grande Fraternidade Humana, então para quê queremos criar esta Fraternidade?

Para solicitar a nossa reintegração na sociedade cósmica. Vejam e percebam que há uma sequência nesta programação toda.

Também para que adquiramos o nosso direito, de termos a representação junto à comunidade cósmica, e nesta elevação assumimos a nossa condição de Filhos do Pai.

O próprio Decreto já deixa bem claro o nosso propósito, e o ato da Fundação da GFH foi a nossa atitude firme e determinada de que estamos colocando em ação o Plano Divino na Terra, já que essa instituição é criada por Trabalhadores da Luz, e que para ser divina falta apenas ser aprovada no Evento de Wesak, para ser considerada uma Instituição Divina e representante da Humanidade Terrestre.

Se todos aqui refletirem um pouco e analisarem o início deste movimento e de quantas vezes falamos disso sobre a União dos Trabalhadores da Luz, e como foi a adesão neste tempo todo temos alcançado o número mínimo para isso que era de 144 Trabalhadores da Luz nestes últimos 2 meses que aprovaram a criação deste Movimento... Lembram disto?

A formalização no dia 25/04, foi apenas o ato de fundação, oficializando a nossa vontade como uma família estelar encarnada na Terra... e neste caso, há que se estruturar todas as estratégias, há que ter planejamentos. No caso da mobilização há o sentido de que este movimento não se encerra apenas no Ato 1 e sim que deve ser contínuo até pelo menos por um um ano, já que este será o período da realização de todo o processo da instalação do Governo Planetário na Terra, então pode ser situações diferentes, mas complementares em si mesmos...

Então, o significado agora sobre a Mobilização é a informação do que foi feito, com que propósito, e para quê nos unimos para criar a Grande Fraternidade Humana, algo inédito e ousado se falarmos em termos de Trabalhadores da Luz, sendo uma iniciativa que partiu do próprio núcleo dos Trabalhadores da Luz.

A maior dificuldade residia em criar uma instituição para representar a humanidade e pedir a nossa reintegração, e foi por isso que a GFH foi fundada... Individualmente, muitos desejavam e ansiavam por isso, mas eram forças dispersas que como ondas não chegavam nem na praia...

Pois um Trabalhador da Luz consciente e desperto tem a sua Luz potencializada e atinge um raio de ação para alcançar mil pontos focais de Luz, entendem isso corações?

É como uma pequena chama, que toca o pavio de uma vela e a acende para a fundação da GFH, foi necessário este mínimo. Agora para pedir a nossa reinserção há a necessidade de que 144 mil pontos focais estejam acesos...

 “É como um vórtice de luz girando a força de 144 mil pontos focais”...

Todo começo é difícil e complicado, mas conforme vão caminhando tudo fica mais claro e definido  já que é um evento raro, e podemos dizer que é a primeira vez que isso ocorre na humanidade desde que ela existe neste planeta...

Então temos que ter o conhecimento da Lei da Precipitação do espírito que desce à matéria ou seja, a materialização de um propósito espiritual e divino, e toda a Lei da Precipitação está em conexão com a Ordem Divina, se fizermos da forma correta como está na "cartilha" então, tudo dará certo...

Se a nossa vontade precisa ser formalizada através de uma Instituição, então ela agora já está criada... É a soma de sonhos e ideais que vínhamos carregando em nossa alma e coração, a União que sempre soubemos que somente seria possível através do exercício, e da prática da Paz interna e externa...

Esta União simboliza uma Fraternidade, por isso o trabalho desenvolvido no último ano para unir a maior parte dos trabalhadores com quem convivemos em nosso cotidiano, e em nossas relações. Esse objetivo de União, quando foi iniciado no ano passado, foi alvo constante de ataques por parte da oposição à Luz, e muitos trabalhos feitos foram desfeitos por causa disto, e quanto mais insistíamos neste caminho, mais interferências negativas surgiam de todos os lados, e a nossa persistência acabou desencadeando uma reação das trevas, que mencionei num artigo no ano passado, que acabou iniciando uma guerra geral, e só conseguimos dar prosseguimento nesta missão, quando alcançamos a vitória final contra eles nos planos internos...

As interferências virão, pois acreditem que a Luz incomoda mesmo as sombras, e a Grande Missão é "cerrar a porta onde mora o mal", compreendem esta frase da Grande Invocação?

Para que a vitória plena seja alcançada na Terra... há que fechar esta porta no plano físico também é onde falta para concluir toda a missão das Águias e a instauração da Fraternidade Humana é a missão das Águias...

A Bandeira Crística que mencionamos no chamado relaciona-se à Chama Trina ardendo, flamejando, e é por essa via que vamos expandir o Amor divino na Terra o Amor Crístico, por isso tudo deve ser feito com Amor e Compreensão...

Nossa tarefa não é combater ninguém, nenhuma instituição, nem entrar em conflitos, por isso a nossa missão Paz na Terra!... Esse é o Caminho, então a Mobilização deve ser sempre focada no que falamos até aqui...


Essa Mobilização não termina no dia 20/05, e sim prossegue pelo período de um ano, até que todas as almas estelares estejam livres!...

É a nossa missão ao estabelecer no plano físico as ações para a implantação do Reino da Luz na Terra, ou seja, a materialização do Plano Divino. Este ato feito por nós daqui do plano denso e material é que caracteriza de fato a ação concreta de “fechar a porta para o mal”. A nossa intenção é plena na vibração da Luz e do Amor.



A revelação sobre a maratona dos 40 dias

Algo que ninguém se deu conta devido à correria e à movimentação que envolveu a todos neste Evento, com reuniões e encontros diários, foi o fato de estar sempre mencionando algo com relação ao tempo dispendido nesta programação. Os 40 dias estavam sendo sinalizados como algo de suma importância, para determinar um ponto de encontro numa data marcada. E devido às circunstâncias do envolvimento de todos os Trabalhadores não era possível avançar muito adiante e sim focar numa meta já estabelecida.

O que é revelado agora, pode surpreender alguns senão todos os Trabalhadores da Luz.

Está relacionado ao nosso estudo mencionado no início deste texto sobre o Fator Tempo dentro da Visão Linear e da Visão do Aqui e Agora, em que foi colocado um gráfico para facilitar a visualização deste propósito agora de falar sobre o assunto. Durante todos os nossos encontros e reuniões, incluindo os esclarecimentos, falamos sobre a oposição que foi levantado contra a Missão Paz na Terra por desconhecerem o trabalho que estavam sendo feito, impedindo um maior avanço na meta de reunir a totalidade de Trabalhadores da Luz necessário ao Evento.

Voltando ao ponto sobre o Fator Tempo, então ficou claro para aqueles que analisarem todos os nossos estudos que sim, havia a possibilidade do não aparecimento das naves e que a divulgação sobre elas ficavam a critério de cada um, mas que não era o nosso foco.

Nos estudos finais antes do Quarto Ato Final, as revelações sobre o propósito do Evento relacionados à União dos Trabalhadores da Luz e da ascensão física da Terra, num trabalho conjunto para ultrapassar a Ponte do Portal de Luz do 32º e a existência da Rampa de Aceleração surpreendeu a todos.

Quando abordamos o tema do início deste artigo sobre o Fator Tempo que foi discutido na reunião do encontro para “Esclarecimento a dúvidas relativo ao Evento” em 27/04/2015, falamos sobre a questão da visão do tempo linear e da visão do tempo Aqui e Agora e das duas diferenças entre uma dimensão e outra. O exemplo citado nos primeiros parágrafos acima, define bem o que está ocorrendo agora sobre este Evento ocorrido no dia 20 de maio.

Quando se achava que tudo tinha terminado, mesmo todos nós tendo a consciência de que a Missão Paz na Terra devia prosseguir ainda por um ano, não se pensou que todo o nosso trabalho estava dentro de um plano maior, e que a meta alcançada naquele dia 20 de maio simbolizava o reencontro da família humana dos Trabalhadores da Luz e a Grande Invocação, se fosse interpretada dentro deste sentido, significava que havíamos sim alcançado uma meta, mas não o propósito estabelecido como Evento.

Foi isso que ouvi quando fui meditar no final daquele noite do dia 20 de maio:

“Ainda falta o processo de reintegração, o que fizeram foi o procedimento de reinserção onde a humanidade acaba de ser aceita! Devem dar andamento nas tarefas da Unidade. Busquem agora nesta descoberta de que a União é possível e unam-se todos os grupos numa só Família Humana e entenderão o significado do que será a Grande Fraternidade Humana da Terra. Prossigam desenvolvendo o que alcançaram neste evento em pequenos núcleos, já não precisam mais fazer individualmente, isto foi o que fizeram nesta primeira fase. Agora unam-se os grupos e nestes núcleos fortaleçam a Unidade maior e cumpra-se a Reintegração como uma fraternidade cósmica entre todos os Trabalhadores da Luz. Já sabes para quando é! Tens a chave e sabes para que deves usá-la. O tempo é chegado! Ashtar.”

Depois disso, não tive mais dúvidas, teremos que cumprir mais uma maratona de 40 dias!

Em Amor e Luz,
Paz na Terra!
Shima.



Postar um comentário

 
Top